javascript:; ~ INGÁ ONLINE

domingo, 15 de maio de 2011

DF e Entorno têm 8 pessoas mortas a tiros ou facadas em 16 horas

Casos ocorreram entre 1h e 16h; cinco mortes foram no Distrito Federal.
Outros três casos de tentativa de assassinato também foram registrados.

Sete pessoas foram mortas a tiros e uma a facadas em um intervalo de 16 horas neste sábado no Distrito Federal e em cidades do Entorno. Pelo menos três tentativas de assassinato também foram registradas pela polícia no mesmo período, da 1h às 17h.
Os primeiros casos de morte registrados neste sábado ocorreram por volta da 1h da madrugada, na Ceilândia. Dois homens encapuzados tentaram assaltar um rapaz que voltava da igreja.
Ele lutou com os assaltantes, conseguiu tomar a arma de um deles e disparou um tiro contra cada um. Um dos ladrões morreu no local e ouro, no hospital. O jovem se apresentou espontaneamente à polícia, que registrou o caso como legítima defesa.
Em Samambaia, o motorista de um caminhão se desentendeu com o ajudante no final da manhã e acabou disparando contra a perna dele. A bala rompeu a veia femural e o ajudante acabou morrendo de hemorragia.
Por volta de 15h, em Luziânia, cidade do Entorno do Distrito Federal, um pedestre encontrou um homem baleado agonizando próximo a uma fábrica de filtros. O homem acabou morrendo no local.
Também em Luziânia, no Parque Estrela D’Alva, um homem foi encontrado morto com quatro tiros. Segundo a polícia, ele recebeu quatro tiros, um deles à queima-roupa, na nuca. O homem assassinado tinha várias passagens pela polícia, por roubo e tráfico de drogas.
Em Planaltina, por volta das 17h, uma pessoa foi assassinada no portão de casa por dois homens que passavam em uma bicicleta.
No Novo Gama, outra cidade do Entorno do DF, o corpo de um homem baleado foi encontrado por policiais às 4h.
Em São Sebastião, no Distrito Federal, uma pessoa foi assassinada a facadas à 1h15 em uma briga em um bar. Uma pessoa foi presa. Segundo a polícia, o suspeito teria dito que vingava uma briga ocorrida meses antes com a pessoa por causa de futebol.
Tentativas de assassinato
Além das mortes ocorridas entre 1h e 17h, a polícia registrou ainda ao menos três tentativas de assassinato. Em São Sebastião, um rapaz tentou escapar de um assalto, foi baleado, mas não morreu. Ele foi levado para o hospital e não corre risco de morrer.
Em outro caso, um homem foi preso após disparar contra um carro da polícia que patrulhava um bairro de Luziânia, no Entorno. Os tiros não acertaram os policiais.
Em outro caso em Luziânia durante a madrugada, um rapaz de carro passou atirando contra um grupo de três homens, mas não acertou nenhum disparo.

0 comentários:

Postar um comentário

 
Powered by Blogger