javascript:; Ação contra camelôs ilegais apreende 60 mil peças de roupa em Goiânia ~ INGÁ ONLINE

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Ação contra camelôs ilegais apreende 60 mil peças de roupa em Goiânia

Operação Norte Ferroviário Limpo acontece na região da rodoviária.

Além do comércio ilegal, objetivo é combater uso e tráfico de drogas.

Em quatro dias da operação Norte Ferroviário Limpo, que começou na quinta-feira (3), a Polícia Militar (PM) apreendeu 60 mil peças de roupas e quatro armas brancas que estavam com usuários de droga, em Goiânia. No domingo (6), consumidores da Feira Hippie que passaram pela Rua 44 encontraram calçadas livres para o pedestre. Foi o primeiro domingo depois do início da operação.
Quarenta policiais militares participaram da ação. Para ajudar no trabalho, foi feito um monitoramento eletrônico com várias câmeras. A ideia é disciplinar o trânsito e evitar que os camelôs montem as bancas de mercadorias em frente às lojas e galerias da rua.
Os lojistas gostaram do resultado: “Diminui a concorrência, que aqui é muito desleal, porque as pessoas ficam na calçada e não pagam impostos, aluguel, condomínio. Então, a gente já sente o efeito, o movimento maior dentro das galerias”, conta o lojista Luiz Henrique Vieira.
Alguns camelôs se sentiram intimidados com a presença dos policiais e alegaram que não foram avisados com antedecência da operação: “Essa retirada deveria ser programada. Eles falam que a gente não paga imposto, agora vai em uma galeria para ver quantas pessoas pagam imposto”, questiona o ambulante José Seabra.
Segundo a Secretaria de Turismo e Desenvolvimento Econômico de Goiânia (Seturde), que é a responsável pela regularização das feiras da cidade, já está sendo preparado o cadastramento de todas as feiras livres. O objetivo é traçar o perfil dos feirantes e regularizar a situação fiscal de todos eles junto à prefeitura.
A secretaria também informou que, depois de controlar a situação das ruas e calçadas nas proximidades do Terminal Rodoviário, também vai realizar fiscalização nas galerias que ficam na região.
fonte: g1go

0 comentários:

Postar um comentário

 
Powered by Blogger