javascript:; Bandidos roubam gado e vendem carne clandestina em Rio Verde (GO) ~ INGÁ ONLINE

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Bandidos roubam gado e vendem carne clandestina em Rio Verde (GO)

Criminosos matam os animais na fazenda, levam a carne e deixam a ossada.
Delegado disse que os crimes estão sendo investigados caso a caso.

Fazendeiros de Rio Verde e Montividiu, no sudoeste de Goiás, reclamam que os furtos de gado tem sido frequentes na região. Segundo eles, os bandidos matam os animais na própria fazenda para vender a carne clandestinamente.
O gado abatido de forma clandestina nas fazendas pode trazer riscos para o consumidor. A carne sem procedência e sem o devido controle de qualidade assusta as pessoas que consomem o produto. “Temos que ficar atento, porque dependendo do lugar que compramos podemos estar correndo risco”, alerta a comerciante Janete Gonçalves.
Uma pecuarista do município de Montividiu, que preferiu não se identificar, conta que já roubaram 25 animais de uma só vez da fazenda da família. “A gente fica com medo. A gente sai um pouquinho e quando volta não tem nada.”
Em seis meses, uma propriedade em Rio Verde foi assaltada quatro vezes. Segundo o pecuarista Bruno Oliveira, os assaltos ocorreram durante a madrugada. “Tinha uma porteira com cadeado e eles cortaram com um machado a porteira”, conta.
Os criminosos mataram os animais dentro da fazenda, levaram a carne e deixaram a ossada. O fazendeiro registrou todas as ocorrências. “Fica difícil a situação, porque a gente faz tudo certinho e eles vêm entram e matam o gado”, diz Bruno Oliveira.
O delegado de furtos e roubos, Luiz Gonzaga Junior, disse que os crimes estão sendo investigados caso a caso, mas confirmou que muitos animais são furtados e vendidos para frigoríficos e casas de carne.
fonte: G1 GO

0 comentários:

Postar um comentário

 
Powered by Blogger