javascript:; COMPRAS ONLINE PODEM SER PARCELADAS NO BOLETO ~ INGÁ ONLINE

terça-feira, 31 de janeiro de 2012

COMPRAS ONLINE PODEM SER PARCELADAS NO BOLETO

 
Atualmente, compras realizadas em lojas virtuais só podem ser parceladas nocartão de crédito. A quem não possui o plástico, prefere não utilizá-lo na internet pelo medo de fraudes ou simplesmente não quer comprometer o seu limite por muitos meses resta apenas pagar com boleto bancário, à vista. Um novo sistema criado pela administradora iVarejo agora vai possibilitar que os consumidores fracionem os valores em prestações também utilizando os bloquetos. A solução –oferecida aos estabelecimentos pela desenvolvedora de programas para comércio eletrônico Braspag– trata, essencialmente, de deixar as faturasmais confiáveis para que os varejistas se sintam seguros em disponibilizar tal opção para seus clientes. 
Os especialistas estimam que, hoje, de cada cem compras realizadas com boleto, entre 40% a 45% deixam de ser concretizadas, pois o consumidor simplesmente não quita o documento –devido a esquecimento ou a desistência após uma compra por impulso. O envio do produto depende, claro, do pagamento, por isso as empresas sentiam dificuldade em imaginar um modelo que permitisse dividir os montantes em bloquetos ao longo de determinado período. 
A fim de fazer parte da nova plataforma, o boleto deve ser formalmente registrado na instituição bancária, lastreado na nota fiscal do produto, e conter informações como os juros a serem cobrados em caso de demora na quitação. A ferramenta, que pode ser empregada por lojas do mundo real e nas vendas de porta em porta, possui a vantagem, para os comerciantes, de custar menos do que o cartão de crédito. Entretanto, significa assumir totalmente o risco da operação, como na aceitação de cheques pré-datados. Caso o cliente atrase a quitação, vai a protesto e o seu nome é incluído no cadastro de inadimplentes.
Postado por Tadeu Nogueira às 22:17h
Com informações da Folha

0 comentários:

Postar um comentário

 
Powered by Blogger